quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

11/12/13

Os números tem sua magia. Hoje, 11/12/13 me inspira um caminho a fazer: processos, aprendizagem e conquistas. Passos após passos.

Aqui em Bogotá, estou num encontro de 12 pessoas, em torno da articulação entre fé e ecologia, mística e sustentabilidade, seguimento a Jesus e “Bem Viver”.

Somos de diferentes áreas de conhecimento: biologia, engenharia, educação, ecologia e teologia. Mais do que olhares transdisciplinares, buscamos uma visão sinérgica. Simultaneamente holística em sua pretensão e incompleta em sua realização.

Buscamos fazer uma ponte entre realidades geograficamente distantes, do Brasil e da Colombia. A tarefa de elaborar um livro de ecoteologia latino-americana nos desafia e nos encanta.

Na mente e no coração trazemos elementos da experiência vivida comunitariamente ontem: andar de ônibus e provas os avanços de mobilidade urbana, visitar o “Parque entre nuvens” e conhecer algumas plantas do ecossistema locail, caminhar pelo bairro popular Diana Turbai, conversar com a coordenação de “casitas bíblicas” e saber de sua bela história, escutar o testemunho de luta em defesa do rio fu-chi, revistar as hortas urbanas, compartilhar do alimento e da esperança que nos une.

Que o Deus da vida nos inspire e nos guie, para este serviço à Jesus e ao seu Reino, no horizonte do Bem-Viver! Amém.

Um comentário:

Ecreziel Souza disse...

Trabalhei contigo no CEPEM. Te admiro,o sr. é um homem bom. Obrigado pelas coisas que tem feito pelo nosso Brasil a fora...