terça-feira, 15 de abril de 2014

Hoje mesmo você estará comigo no Paraíso!” (Lc 23,43)

O teu coração sem portas, sempre aberto,
que fácil é roubar-te o Paraíso!
Ladrões, todos nós,
Depredadores do cosmos, da natureza e da vida,
somente podemos salvar-nos assaltando-te, ó Cristo.
Em nosso “hoje” cotidiano,
Essa Misericórdia que jorra no teu sangue...

O teu suave assobio de Bom Pastor nos chama.
O teu coração reclama, impaciente,
a todos os marginalizados,
a todos os proibidos.

Tu nos conheces bem, e nos consentes.
Irmão de cruz e cúmplice de sonhos,
companheiro de todos os caminhos.
tu que és o Caminho e a Chegada!
(Dom Pedro Casaldáliga)

Um comentário:

Skyline Spirit disse...

pretty nice blog, following :)